Tencati lamenta demissão

O técnico Cláudio lamentou a sua demissão do Vitória, após o revés para o São Bento por 3 a 1 no Barradão . O treinador citou o momento de transição que o clube vive por conta da reformulação do elenco e mudança de diretoria.

 

“Quero me dirigir a todos. Aos torcedores, direção e instituição. Quero agradecer esse período que a gente conviveu e sei que os resultados não expressaram a qualidade do nosso trabalho. A gente tentou fazer o melhor para o Vitória. Apesar dessas turbulências que a gente pegou, como mudança de direção, entradas e saídas de jogadores…, mas a gente conseguiu resgatar coisas importes que o clube estava deixando de lado e isso é um mérito nosso, da nossa comissão técnica, como os jogadores que resgatamos da base e alguns atletas que estavam encostados. É um momento muito complicado e infelizmente o resultado de campo não veio até por essa pressão que existe”, disse Tencati, em entrevista ao Bahia Notícias.

 

Para Cláudio Tencati, o plantel precisa recuperar o controle emocional. “O Vitória vai ter que ser forte e os torcedores terão que apoiar os jogadores, até por conota da instabilidade que é grande hoje. Exceto o Vila Nova, que a gente virou, todos os outros que nós saímos na frente, sofremos a virada. Isso foi por qual motivo? Quando sofre o gol, o time tem se perdido pelo fator emocional em função da pressão e um monte de detalhes. O agradecimento é grande e acredito que fica um legado. Aqueles que trabalharam internamente comigo, tanto jogadores e comissão, sabem do meu trabalho. Infelizmente o futebol depende de resultado e isso não aconteceu. O último jogo ficou a imagem ruim, até pela parte final em que a gente se descontrolou e perdemos o controle do jogo”, destacou.

 

Por fim, Tencati garantiu que ficará na torcida pelo Leão. “Fica o meu carinho pelo Vitória. Ficarei torcendo para que o Vitória suba para a Série A, pois é o lugar do Vitória”, concluiu.

 

Tencati assumiu o comando técnico do Vitória em 19 de março, ainda na gestão do ex-presidente Ricardo David. Após ser eleito mandatário do clube no dia 24 de abril, Paulo Carneiro decidiu deixar o treinador na equipe.

 

O técnico esteve à frente da equipe rubro-negra em sete jogos e acumulou quatro derrotas, dois empates e um triunfo. O que representa um aproveitamento de 23,8%.

Deixe uma resposta