Sindseps vai recorrer

O Sindicato dos Servidores da Prefeitura de Salvador (Sindseps) avalia como “absurdo” a liminar do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) que determinou o retorno ao trabalho dos trabalhadores da entidade que estão em greve. De acordo com o coordenador-geral do Sindseps, Bruno Carianha, a categoria vai recorrer da decisão.

 

“A gente vê isso como um absurdo”, comentou Carianha em entrevista ao Bahia Notícias. Ele sugeriu ainda que o desembargador responsável pela liminar, Maurício Kertzman Szporer, teria atuado de forma parcial no processo. “O desembargador está aí pra agradar o prefeito, não pra fazer o que é certo”, afirmou.

 

Segundo Carianha, o Sindseps vai acatar a decisão quando for notificado. A liminar deferida pelo desembargador a pedido da prefeitura de Salvador determina que os trabalhadores do Sindseps retomem imediatamente ao trabalho e proibiu atos que possam paralisar o funcionamento de órgãos da prefeitura. A greve da categoria teve início nesta segunda-feira (6). 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *