PV recua

Após uma reunião com a executiva, o Partido Verde bateu o martelo e decidiu não mais lançar a candidatura própria do advogado-geral da união Waldir Santos ao governo do estado. No lugar do pleito ao Palácio de Ondina, o partido pretende negociar o apoio a candidatura de José Ronaldo (DEM) por uma vaga na majoritária da oposição. “Vamos passar a disputar essa vaga na chapa do Democratas. Queremos um local para acomodar o PV”, declarou Ivanilson Gomes, presidente estadual da sigla. O partido pode tensionar para indicar um nome para a vice de José Ronaldo, que atualmente tem o nome de Taíssa Gama (PTB) sondado , ou disputar com o PRB de Ireuda  e o PSC de Irmão Lázaro , quem disputará ao lado de Jutahy Júnior (PSDB) uma cadeira no Senado. Na opinião de Ivanilson, “tudo é possível”, mas o PV busca, inicialmente, lugares titulares na majoritária e não na suplência dos nomes que disputarão a Câmara Alta. “É preciso que toda a chapa tenha uma leveza. O PV pode dar essa leveza. Buscamos titularidade. Se não for possível, onde coubermos. O fundamental é o partido na majoritária”, completou Ivanilson. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *