Base de Temer quer votar reforma da Previdência até primeira semana de dezembro

Deputados a favor da reforma da Previdência deram um ultimato ao presidente Michel Temer: ou o texto é votado na semana do dia 6 de dezembro, ou não será apreciado no Plenário da Casa. Segundo a coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo, após esse período, ficará muito próximo do Natal para votar a proposta. Os parlamentares não querem bancar o desgaste político disso, já que seria um presente para a oposição. Ainda de acordo com a publicação, o Palácio do Planalto começa na próxima semana a contagem dos votos favoráveis à reforma. Atualmente, as projeções variam entre 250 e 270 votos. São necessários 308 para aprovar o texto. Mesmo sem número, a avaliação é a de que o governo conseguiu desenterrar a proposta, já dada como morta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *